dicas-de-florença-roteiro

O que fazer fazer em Florença – 10 Dicas imperdíveis | Viagem da Semana

Views:
83

 

Capital da encantadora Toscana, berço do Renascimento, Florença ou Firenze respira e inspira arte por todos os cantos. Se você está programando sua viagem para esse destino, saiba que a cidade tem muitos pontos turísticos, cada um com sua importância e realmente imperdíveis na terra dos gênios.

Desde o início do séc. XV até meados do séc. XIII Florença foi governada pela família Médici que era a grande patrocinadora das artes, seja na construção de igrejas e de museus. A arte está em todos os cantos da cidade, espalhados por obras dos grandes mestres do Renascimento, como; Michelangelo, Da Vinci, Rafael, entre outros não menos importantes! Listei abaixo 10 principais pontos turísticos imperdíveis, ao meu ver. Aconselho que liste suas prioridades de acordo com a sua estadia e se tem algum diferente que você recomenda, é só comentar aqui embaixo.

  • 1 – Basilica di Santa Maria del Fiori, também conhecida como Duomo de Florença.

Absurda! De longe a Catedral mais linda que já vi na vida. A fachada em mármore de cores, entre branco, rosa e verde, impressiona logo de cara. Sabe aquele momento em que você está andando e pá, seu queixo cai e você não acredita no que está vendo. O estilo neogótico. Já seu interior é bem simples. Se não é claustrofóbico, acho obrigatório subir os 463 degraus que levam até a Cúpula de Brunelleschi (ele também foi um dos gênios da cidade, vale a pena dar um google nesse nome) contendo um afresco de Vasari retratando o juízo final. Por fora, a vista da cidade impressiona. Parada no Campanile de Giotto, também conhecido como Campanário. Ao lado do Duomo é a torre do sino da basílica, vale admirar impressionado, mas não subi, pelo fato de que seria a mesma vista. Projetado por Giotto. 

  • 2 – Battistero, ou Batistério.

Em formato octogonal, as portas de bronze são uma de suas maiores atrações (mas não são as originais), era o local onde aconteciam os batismos, aliás, nosso guia nos contou que seu filho foi batizado lá, ou seja, os batismos ainda acontecem. Seu interior é lindo e cheio de história. Dicas especial da Day: Faça um tour guiado, tivemos a honra de ter um o Maurizio como guia, que ficou nos explicando e contando tudo sobre toda história por ali. Comprei pelo Get Your Guide e vou deixar no final do post para vocês poderem comprar também.

  • 3 – Piazza della Signoria.

Essa é uma das principais de Florença e também achei a mais lotada. Lá temos: o Palácio Vecchio, hoje a Prefeitura de Florença. Na frente, a réplica do David de Michelangelo, a Fontana di Nettuno e a réplica do Marzocco de Donatello. Também na praça, a Loggia dei Lanzi um espaço com várias esculturas.

  • 4 – Galleria degli Uffizzi, ou Galeria dos Ofícios.

Construído por Giorgio Vasari a pedido de Cosimo I de Médici para alojar os gabinetes administrativo e legal de Florença. Hoje em dia um dos mais antigos e famosos museus do mundo. Sua coleção compreende obras-primas aclamadas, incluindo trabalhos de Giotto, Piero della Francesca, Fra Angelico, Leonardo da Vinci, Raphael, Michelangelo e Caravaggio e Botticelli

  • 5 – Galleria dell’Accademia, ou Galeria da Academia.

Fundada em 1794 pelo Grão-Duque Pietro Leopoldo para servir como local de estudo para os estudantes da Academia de Belas Artes, tem em sua posse algumas das mais belas obras de Miguel Ângelo. O lugar para ver o verdadeiro David de Michelangelo que foi deslocado para este local em 1873 para o proteger das condições meteorológicas adversas. Com a sua beleza e força, o David representa o poder e a liberdade da República Florentina  Entre as muitas obras de arte presentes na Galeria da Academia, também O rapto das Sabinas de Giambologna, a Madonna e filho (Madonna col Bambino) e Madonna do Mar (Madonna del Mare) de Botticelli e ainda alguns quadros de Perugino, Filippino Lippi, Pontormo e Bronzino.

Seguro Viagem para Itália é obrigatório, cote já o seu e utilize o Cupom de Desconto: VIAGEMDASEMANA5 para economizar ainda mais.

Europa 1

  • 6 – Ponte Vecchio, ou Ponte Velha.

Um dos cartões postais da cidade, a ponte é fechada e você pode atravessá-la para conhecer as lojinhas de prata e ouro. Construída em 1345, servia de passagem para a família Médici atravessar o rio, sem ter que se misturar com o povo (frescos, não?) É a  única ponte da cidade a escapar da destruição na 2ª Guerra, reza a lenda que a mando de Hitler. Aproveite para tirar boa fotos e também para passear ao redor do rio Arno com um gelato na mão, yummy.

  • 7 – Santa Croce, ou Santa Cruz.

O caminho pelas ruelas é apaixonante, descobri uma Florença mais “local” sem muitos turistas, assim como no arredores do Duomo. Linda e ainda tem nada mais, nada menos, que os túmulos de Michelangelo, Maquiavel, Galileu Galilei).

  • Palazzo Pitti, ou Palácio Pitti.

Era a residência dos Medici, projeto grandioso de Brunelleschi, com exemplos obra arquitetônica do Renascimento. Construído por  Luca Pitt, um banqueiro, que queria superar o poder dos Medici para ostentar toda sua fortuna. Porém, os próprios Medici o compraram e em 1550 o Palazzo Pitti tornou-se a residência dos Médici. Hoje abriga museus de diferentes segmentos e lindos jardins

  • – Piazzale Michelangelo, ou Praça Michelangelo

A Piazzale Michelangelo fica do lado esquerdo do Rio Arno, em uma área mais elevada. A subidinha a pé, cansa um pouco, mas os arredores são lindo. De lá a vista mais bonita de Florença, aquela que geralmente você vê nas fotos, os cartões postais e o mais maravilhoso por-do-sol da toscana, nunca vi nada igual. Vá no fim da tarde! A praça em si, não tem nada de especial, apenas o mirante. o majestoso e imponente Duomo.

  • 10 – Mercato Centrale, ou Mercado Central

O Mercado Central é o lugar da gastronomia de Florença! Tudo em um só lugar. No primeiro andar, massas frescas, queijos de todos os tipos, vinhos, frutas, embutidos, carnes e etc. Já no segundo piso, restaurantes de comidas típicas Italianas e Fiorentinas,  aproveite para provar o prato mais famoso de florença, a Bistecca alla Fiorentina. Um lugar sentir o gosto de Florença. Aprecie sem moderação, rsrsrs.

Terminando, em Florença tudo é muito pitoresco, muito medieval. A arte está por todos os lados, um destino cheio de história. Tem 2 episódios em vídeo, mostrando tudo o que eu fiz por lá, clique aqui para assistir!

Bon voyage!

Bjs Day.

Compre seus ingressos antes, e otimize seu tempo na sua viagem.

 

More about Day Ramos

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *